Com apoio da Câmara, denúncia contra o vale-alimentação dos servidores (as) é arquivada

Com apoio da Câmara, denúncia contra o vale-alimentação dos servidores (as) é arquivadaFoto: Angela Rubini

Durante a primeira sessão ordinária da Câmara de Vereadores prudentina, que aconteceu na segunda-feira (04), os servidores (as) do município lotaram as cadeiras da casa de leis. O chamamento, feito pelo SINTRAPP, teve vários objetivos. O primeiro era relativo à denúncia de um munícipe, que defendia a diminuição do vale-alimentação dos servidores (as), vez que o benefício diminuído nos meses em que houve deflação, o sindicato se mobilizou e chamou todos para comparecerem à sessão. Atingimos nosso objetivo e a denúncia que ataca diretamente o direito dos servidores (as) foi arquivada por unanimidade de votos dos vereadores.


A Campanha Salarial
A segunda motivação foi levar ao conhecimento dos vereadores (as) a Pauta de Reivindicações de 2019, estabelecida na assembleia de Campanha Salarial, que aconteceu no dia 22 de janeiro. Na ocasião, diretores (as) acompanhados por uma grande quantidade de servidores (as), se reuniram com os vereadores (as) enquanto a sessão foi suspensa e protocolaram a Pauta. Durante a conversa também foi solicitado o apoio da Casa de Leis no sentido de garantir que direitos já conquistados não sejam retirados e também em buscar novas conquistas.

Foto: Maycon Morano / Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal

A terceirização de serviços por meio do CIOP
Durante a conversa com os vereadores (as), o sindicato, acompanhado por um grupo de servidores (as) da secretaria de Saúde, lembrou do caso das terceirizações que a administração vem impondo ao funcionalismo por meio do Consórcio. Tais trabalhadores, contratados pelo CIOP, sofrem com a falta de suporte e de direitos. Pensando nisso, o sindicato conversou com os vereadores acerca dos atendimentos na área da saúde, pelos funcionários terceirizados, sobre a qualidade dos serviços e também sobre as possíveis estratégias da administração para fechar unidades e terceirizar novos serviços em saúde. Na ocasião, também foi solicitado apoio dos vereadores (as) no sentido de fiscalizar novos ataques ao funcionalismo e aos serviços públicos prestados.

2 Comentários

Vanessa oliveira Publicado em2:43 pm - fev 6, 2019

O que degrada a prefeitura são os altos salários dos comissionados, tem que utilizar os próprios funcionários concursados para tal ou chamar os concursados que passaram nos concursos anteriores e aguardam vaga.

Eli Publicado em10:46 am - fev 7, 2019

Tô sem esperança nas reivindicações pq, ele já disse que nem daria pra dar o aumento em março se não economisar, quanto mais aumentar ticket e dar aumento acima da inflação.