Sintrapp barra desconto de imposto para empresa de transporte

Sintrapp barra desconto de imposto para empresa de transporte

Na manhã de hoje (11), as diretoras Beatriz Honório, Leonice Prado, Karina Sacardo, Ângela Rubini, Márcia Pantalião, Sônia Auxiliadora e a presidenta do sindicato, Luciana Telles, acompanharam a sessão extraordinária da Câmara de Vereadores de Presidente Prudente que foi convocada após pedido da administração. A solicitação da prefeitura foi feita com o objetivo de incluir no expediente de votação o Projeto de Lei (PL) Nº 37/17, que dispõe sobre a redução da alíquota do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) sobre o serviço público de transporte coletivo no município de Presidente Prudente.

Durante a sessão, o Sintrapp se reuniu com os vereadores para mostrar a incoerência de diminuir o imposto, considerando que a administração suspende direitos e pagamentos aos servidores e servidoras com a alegação da diminuição de arrecadação. Durante a conversa com os vereadores, as dirigentes do sindicato expuseram o fato de que a prefeitura vem alegando, há tempos, de que sofre com dificuldades financeiras, a exemplo dos pagamentos da venda das férias e licença-prêmio que foram suspensos (decreto nº28.645/2018) e que são direito, além do atraso no pagamento de 1/3 das férias. De que forma a administração deixaria de arrecadar impostos, considerando tal situação financeira? Tal ato não seria irresponsabilidade com as contas do município?

Retomado o expediente e colocado em votação, o projeto foi rejeitado por unanimidade pelos vereadores. Vale lembrar que a discussão foi enviada em caráter de urgência para a câmara, o que colocou dificuldade em organizar a luta e a presença dos servidores na sessão.

Autor: Itamar Batista

1 comentário até agora

Paulo Roberto da Silva Publicado em3:29 pm - jan 11, 2019

Já acho um absurdo a tarifa estar a R $3,50 e ainda querem aumentar?