Sintrapp organiza dia de greve na base

Sintrapp organiza dia de greve na base

“Art. 9º É assegurado o direito de greve, competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender.” Tomando por base o texto acima, extraído da Carta Magna do Brasil, a Constituição Federal (CF), trabalhadoras e trabalhadores de todo o país se mobilizaram em um dia de Greve Geral.

Em Presidente Prudente, sob a organização de diversos movimentos sociais e sindicais, cerca de 2 mil pessoas participaram das atividades do dia.

Membro da comissão organizadora, o Sintrapp realizou por várias semanas um trabalho intenso junto à base para convencer as servidoras e servidores a se juntarem à luta contra a reforma da Previdência.

A programação do dia começou às 5h em frente à empresa responsável pelo transporte coletivo de Presidente Prudente. Com atraso, os ônibus começaram a circular a partir das 6h40, o que teve impacto sobre a população, dando visibilidade à Greve.

Neste momento, dirigentes sindicais e membros de movimentos sociais fizeram falas sobre os impactos da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 006/2019 que sugere a reforma.

Sonia Auxiliadora da executiva da CUT/SP e diretora do Sintrapp fez um convite às trabalhadoras e trabalhadores da empresa de transporte coletivo. Em sua fala ao microfone, disse que “o movimento faz um convite a todas e todos que já entraram na empresa para trabalhar: juntem -se a nós neste dia de Greve Geral!” 

A concentração aconteceu às 8h na rotatória do museu, onde trabalhadoras e trabalhadores de diversas categorias se reuniram para lutar pelo direito da aposentadoria e mostrar a força da luta contra a reforma da Previdência.

Com faixas, cartazes e bandeiras nas mãos, permaneceram até as 9h na rotatória e partiram em caminhada pela Avenida Manoel Goulart. Os organizadores da greve revezaram o microfone para animar os participantes com palavras de ordem durante o trajeto de cerca de 3km até a Praça 9 de julho,

Além de Presidente Prudente, outros dois municípios da base de atuação do Sintrapp participaram da Greve. Em Mirante do Paranapanema, os trabalhadores se reuniram na reuniram na Praça Sebastião Farias.

Já em Tarabai, a concentração da mobilização foi na Escola Municipal Jorgina de Alencar Lima.

“Estamos muito felizes com o movimento. Foi um dia muito bonito onde conseguimos trazer visibilidade para a importância da luta contra a reforma da Previdência”, comenta a presidenta do Sintrapp, Luciana Telles.

Foram semanas de trabalho intenso para mobilizar a maior quantidade de servidoras e servidores em prol do nosso direito à aposentadoria.

Autor: Itamar Batista